• Fachada
  • Jardim
  • BMB01
Sexta, 29 Janeiro 2016 20:05

Biblioteca Campus Barbalha, Centro de Informação e Referência em Saúde

MISSÃO DA BIBLIOTECA

 Oferecer suporte informacional às atividades de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas pela comunidade acadêmica da Faculdade de Medicina da UFCA.

 HORÁRIO DE ATENDIMENTO

 Segunda à Sexta-feira das 7h às 19h

 * às sextas-feiras, a biblioteca suspende o atendimento ao público das 09h00 às 10h30, devido à limpeza semanal.

 HISTÓRICO

 A  Biblioteca do Campus Barbalha, também conhecida como Biblioteca de Medicina de Barbalha, nasceu com a criação do Curso de Medicina da Universidade Federal do Ceará – UFC, na cidade de Barbalha, no ano de 2001.  O Curso de Medicina de Barbalha era uma extensão do Curso de Medicina da UFC, em Fortaleza, até junho de 2013, data da criação da UFCA  por desmembramento da UFC com a Lei Nº 12.826, de 5 de junho de 2013, publicada em 06 de junho de 2013 no Diário Oficial da União. Atualmente, a Biblioteca integra o Sistema de Bibliotecas da UFCA. A  comunidade acadêmica do Curso de Medicina é seu público-alvo principal.

 USUÁRIOS

 Atende ao público de pesquisadores da UFCA e à comunidade externa composta, principalmente, por pesquisadores, alunos e docentes das faculdades e universidades públicas e particulares  que ofertam cursos de graduação e pós-graduação na Área de Ciências da Saúde, além dos profissionais e gestores da região do Cariri Cearense.

 EVENTOS, CAMPANHAS E PROJETOS

*Concurso Usuário Destaque

*Concurso Usuário do Ano

*Certificado Amigo da Biblioteca

*Campanhas de Conscientização em Saúde

*Campanhas de Responsabilidade Social

*Campanha de Preservação do Acervo Bibliográfico

*Oficina de Restauração do Acervo Bibliográfico 

*Projeto Descobrindo a Biblioteca (apresentação dos serviços aos novos alunos)

*Projeto de Pesquisa em Fontes de Informação em Ciências da Saúde

*Projeto de Pesquisa em Gestão de Biblioteca Especializada.

INSTALAÇÕES E SETORES

Encontra-se instalada em área térrea com estrutura climatizada de 359 m², distribuída em:

- Área do acervo bibliográfico de livros e periódicos na área de Ciências da Saúde, principalmente, a área médica(circulação de materiais);

-  Salão de estudo e treinamento;

-  Salas de estudo em grupos;

-  Cabines de estudo individual;

- Setor de computadores com acesso livre à internet;

- Estação Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde – BVS;

- Centro de Distribuição do Programa Ampliado de Livros de Texto e Materiais de Instrução – PALTEX/ OPAS/OMS;

- Coleções Especiais;

-  Setor de Administração da Biblioteca;

- Setor de Divulgação e Promoção da biblioteca e de informações científicas na área da saúde;

-  Setor Técnico e de Apoio à Pesquisa;

- Setor de Apoio Administrativo, de Restauração e Conservação do acervo bibliográfico.

ACERVO

Possui acervo de livros impressos com aproximadamente 767 títulos e 2.917 exemplares já catalogados e cerca de 300 exemplares a catalogar. Acervo de mídia eletrônica (CD´s e DVD´s) com cerca de 150 exemplares para empréstimo domiciliar e acervo on-line (livros eletrônicos) com cerca de 12.000 títulos das Editoras Ateneu e Springer que podem ser consultados dentro e fora da Universidade através do hiperlink: http://ufc.dotlib.com.br/

Disponibiliza o Portal de periódicos da CAPES que conta com um acervo de mais de 37 mil publicações periódicas com texto completo, 126 bases referenciais, 11 bases dedicadas exclusivamente a patentes, além de livros, enciclopédias e obras de referência, normas técnicas, estatísticas e conteúdo audiovisual,  inclusive da área da saúde.

Disponibiliza para consulta local,  acervo de periódicos impressos com cerca de 114 títulos e 807 exemplares, além do acervo composto pela produção intelectual dos docentes do Curso de Medicina e alunos da pós-graduação em Residência Médica, com cerca de 37 monografias, dissertações e teses.

Mantém uma coleção de exemplares bibliográficos de livros e periódicos impressos considerados, segundo critérios de raridade, como acervo denominado Coleções Especiais, o qual é composto por cerca de 99 títulos de livros e 281 periódicos e fascículos relacionados à área de Ciências da Saúde, incluindo a Revista da Faculdade de Medicina da UFC desde o ano de 1964.

EQUIPE

Kécia Silva Damasceno (Bibliotecária)

Élcio de Sousa Barbosa (Assistente em Administração)

Geraldo Arthur Brito dos Santos (Assistente em administração)

Regiane Felix Pereira (Recepcionista) 

PRODUTOS E SERVIÇOS

*Sistema de autoatendimento (serviços on-line através da homepage da biblioteca); 

*Consulta Local/ Empréstimos/ Devoluções/ através do Sistema on-line Integrado de Bibliotecas Pergamum;

*Serviço Cooperativo de Acesso a Documentos- SCAD/BVS;

*Acesso ao Portal de Periódicos da CAPES;

*Acesso aos e-books  das Editoras Ateneu e Springer;

*Estação da Biblioteca Virtual em Saúde/BVS (Ministério da Saúde) e aos Livros Eletrônicos;

*Emissão de Comprovante de Quitação (Nada Consta);

*Elaboração da Catalogação na Publicação;

(referente à produção intelectual/monografia dos alunos da pós-graduação em Residência Médica);

*Treinamentos em Fontes de Informação em Ciências da Saúde;

*Atendimento individualizado e a pequenos grupos com até 3 pesquisadores(referente à publicação de artigos científicos e normalização de pesquisas acadêmicas segundo as Normas de Publicação da Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT e as normas editoriais internacionais do Comitê Editorial de Vancouver na área de Ciências da Saúde);

*Visitas Guiadas a grupos de pesquisadores externos.

 

POR QUE ESCOLHI MEDICINA?

 

“Escolhi medicina pelo Moisés. Antes de ingressar no curso, já sentia que ele estaria um dia em meus braços, ensinando-me a importância de receber bem uma vida. Escolhi Medicina pelo Natanael. Em cada prova de vestibular, tinha a certeza de que pesaria sobre os meus ombros a difícil missão de confortar uma família na partida precoce daquele jovem. Decidi abdicar da minha cidade natal, para ver o sorriso de Dona Virtuosa, minha primeira paciente, depois de passar uma tarde contando a história de sua doença. O sonho de confortar, cuidar, acalentar aqueles que estão passando pelo processo de adoecimento nasceu muito antes de conseguir a tão sonhada vaga no curso de medicina. Nasceu de um inconformismo nato, da vontade de levar saúde a quem não tem acesso. Por cada paciente que já passou pela minha vida acadêmica e pelos muitos que ainda compartilharão suas histórias comigo, eu confirmo minha escolha todos os dias.”

Kédma Suelen Braga Barros – 

Cidade Natal: Maranguape(CE)

Aluna do Curso de Graduação em Medicina da UFCA, ingressou  em 2011

 

“Decidi fazer medicina porque é o que eu gosto e o que me faz feliz. Não tenho como descrever em palavras exatamente o que me levou à Medicina, pois qualquer descrição objetiva não chegaria nem perto de definir a arte de cuidar de uma vida. Medicina é algo que se faz com coração, com sentimento, com carinho, com responsabilidade e com muita atenção à vida do próximo.”

Ariovaldo Carvalho Neto -

Cidade Natal: Juazeiro do Norte(CE)

Aluno do curso de Graduação em Medicina da UFCA, ingressou em 2011

 

“Poderia citar vários motivos para a escolha dessa graduação, com tantas opções disponíveis. Como por exemplo, querer cuidar de familiares, poder fazer a diferença  na vida das pessoas, ser uma área com infinitas  linhas de pesquisas, ser um campo de estudos pessoalmente atrativa, dentre vários outros motivos, mas prefiro explicar a razão da escolha por ser uma profissão que me ajudará a cumprir meus objetivos de vida, não só profissionais mas por ser um curso em que o objeto de estudo é a ser humano em si e o seu bem estar como objetivo final! Vejo a medicina como isso,ajudar as pessoas.”

Marcos Júnior

Aluno do Curso de Graduação em Medicina, ingressou  em 2015

Cidade Natal: Salgueiro(PE) 

Coordenador Geral do CALS (Centro Acadêmico Leão Sampaio -2015)

 

Dentre tantos outros cursos, eu escolhi medicina porque ela me torna capaz de ajudar meus semelhantes na condição em que alguém mais precisa de cuidados: a doença.

E essa ajuda a que me refiro não envolve somente a prescrição de um medicamento  ou a realização de um procedimento cirúrgico eficaz, pois o bom médico também deve obedecendo os princípios da humildade e da caridade, ser um apoio, um porto seguro para seu paciente. 

Assim como não foi fácil entrar na faculdade, sei que a caminhada até a formatura será árdua e repleta de dificuldades, porém as vitórias e prazeres também virão!  E o que mais me incentiva a seguir em frente é a vontade de um dia aliviar o sofrimento de alguém e receber desse alguém um "muito obrigado".

João Juarez 

Aluno do Curso de Graduação em Medicina 

Ingressou na UFCA em 2015 com 15 anos de idade.

Localidade de Origem: Jamacaru(Distrito de Missão Velha - Ceará)

 

Read 364 times